Cacau e chocolate podem aumentar o desejo e o prazer sexual - Mercado do Cacau
Aguarde! Carregando...
X

Mercado do Cacau

Cacau e chocolate podem aumentar o desejo e o prazer sexual

Cacau e chocolate podem aumentar o desejo e o prazer sexual

MSc.Bióloga Geana Sousa Soares @cacau.medicinal

Vamos conhecer o que a ciência diz sobre os supostos efeitos afrodisíacos do cacau e do chocolate.

Um estudo publicado pelo pesquisador PhD. Emmanuel Ohene Afoakwa, na revista científica South African Journal of Clinical Nutrition, traz argumentos relacionados ao poder afrodisíaco e outras implicações benéficas para a saúde do consumo de cacau e chocolate com base em pesquisas pré-clínicas e clínicas.

O estudo ressalta que, a feniletilamina presente no cacau e no chocolate estimula a hipotálamo, induzindo sensações de prazer, afetando os níveis de dois neurotransmissores – 5-hidroxitritamina (serotonina) e endorfinas no cérebro – aumentando, assim, a elevação do humor e o impulso sexual.

Esses neurotransmissores ocorrem naturalmente e são liberados pelo cérebro no sistema nervoso durante situações de felicidade e sentimentos de amor e paixão. Isso causa uma rápida mudança de humor, um aumento na pressão arterial, um aumento na frequência cardíaca e um incentivo às sensações de bem-estar que beiram a euforia, geralmente associadas a estar apaixonado.

No estudo é evidenciado que, cada 100 g de chocolate intenso contém 660 mg de feniletilamina (C6H5 (CH2) 2NH2), um estimulante semelhante à dopamina e adrenalina do próprio corpo. Observou-se que a feniletilamina aumenta a pressão arterial e a frequência cardíaca, e também os níveis de glicose no sangue.

Uma vez que comer chocolate dá um impulso instantâneo de energia e um aumento na resistência, não é de admirar que os efeitos de comer chocolate o tenham dado uma reputação de afrodisíaco. Ambos os compostos também podem ser ligeiramente viciantes, o que explica o impulso dos chocólatras. As mulheres são mais suscetíveis aos efeitos da feniletilamina e da serotonina do que os homens, o que explica por que mais mulheres tendem a ser chocólatras do que homens.

Embora o chocolate contenha substâncias químicas associadas a sentimentos de felicidade, amor, paixão, resistência e melhora do humor, os cientistas continuam a debater se ele deve ser classificado como afrodisíaco. Seria muito desafiador dizer que há provas concretas de que o chocolate é realmente um afrodisíaco. O chocolate, entretanto, contém substâncias que aumentam a energia, a resistência, a melhora do humor e a sensação de bem-estar. A realidade é que um presente de chocolate em um ritual de namoro faz as pessoas se sentirem bem, o que induz sentimentos de amor.

——

Fonte:

Cocoa and chocolate consumption, – Are there aphrodisiac and other benefits for human health?

Publicado na revista científica: South African Journal of Clinical Nutrition 21(3):107-113

Disponível em:

DOI: 10.1080/16070658.2008.11734163

Autor:

PhD. Emmanuel Ohene Afoakwa

Professor in Food Science and Technology and Interim Vice-Chancellor of the Ghana Communication Technology University, Tesano-Accra, Ghana. He holds Ph.D. Degree in Food Science from the University of Strathclyde, Glasgow, U. K.; M.Phil and B.Sc (Honours) degrees in Food Science from the University of Ghana. He holds Certificates in International Food Laws and Regulations from the Michigan State University, USA and Food Quality Management Systems from the Wageningen University, the Netherlands.

Deixe seu comentário para Cacau e chocolate podem aumentar o desejo e o prazer sexual

SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR ESTE POST! Deixe agora o Seu Comentário :)
Avalie Este Conteúdo: 1 2 3 4 5
[Aguarde, Buscando Dados!]
Notícias Relacionadas

Publicidade

Vídeos

Vídeos