Mars lança nova estratégia de sustentabilidade para o cacau - Mercado do Cacau
Aguarde! Carregando...
X

Mercado do Cacau

Mars lança nova estratégia de sustentabilidade para o cacau

Mars lança nova estratégia de sustentabilidade para o cacau
  • 01
  • ★★★★★

A Mars Wrigley Confectionery, fabricante de chocolate há mais de 100 anos e uma das maiores compradoras de cacau do mundo, lançou um novo plano para inspecionar sua cadeia de suprimentos de cacau.
Conhecido como Cocoa for Generations, o plano posiciona o interesse do fazendeiro de pequenas terras em seu centro, ajuda a proteger crianças e florestas e cria um caminho para que fazendeiros de cacau e comunidades que cultivam cacau possam prosperar. O Cocoa for Generations é apoiado por um investimento de US$ 1 bilhão no decorrer de 10 anos, sendo adicionado ao Plano Sustentável em uma Geração que a Mars anunciou no ano passado.
“Por quase 40 anos temos trabalhado para atingir uma produção sustentável de cacau”, declarou John Ament, vice-presidente global do setor de cacau da Mars Wrigley Confectionery. “Embora tenhamos tido avanços, incluindo a conquista de aproximadamente 180.000 fazendeiros com certificação de sustentabilidade, estamos insatisfeitos com nosso ritmo de progresso e o do setor de cacau, como um todo. Não temos todas as respostas, mas nossa primeira etapa é colocar o fazendeiro no centro de nossas ambições e ações. Planejamos inspirar outros e trabalhar juntos para garantir o Cocoa for Generations“.
A despeito do progresso significativo, os fazendeiros não experimentaram melhorias em suas rendas ou condições de vida em um ritmo adequado. As crianças continuam a trabalhar em condições perigosas e o desmatamento continua com atividades agrícolas ocorrendo em áreas florestais protegidas. A Mars acredita que é necessária uma mudança na qual empresas, sociedade civil e governo devem pensar e agir de maneira diferente e assumir uma nova abordagem que crie um caminho para os fazendeiros de cacau, suas famílias e comunidades possam prosperar.

O Cocoa for Generations consiste de dois pilares:
Responsible Cocoa Today
Em seu primeiro pilar, a Mars visa a ter 100 por cento de seu cacau derivado do seu programa Responsible Cocoa originado globalmente e rastreável com responsabilidade até 2025. O Responsible Cocoa significa ter sistemas em vigor para tratar do desmatamento, trabalho infantil e rendas maiores para os fazendeiros.
Especificamente, a Mars espera que os fazendeiros que são parte de nosso programa Responsible Cocoa provejam locais via GPS baseados em satélite para fazendeiros que fornecem seu cacau a fim de que tenhamos garantias que tal cacau não venha de áreas florestais protegidas. A Mars vai trabalhar com fornecedores e certificadores para aprimorar programas de monitoramento e remediação de trabalho infantil (CLMRS), e continuará a ajudar a melhorar a educação em comunidades que cultivam cacau, com um foco no acesso a escolas de qualidade.
Além disso, a Mars vai trabalhar com parceiros a fim de garantir que o modelo para os prêmios que a empresa paga por cacau produzido com responsabilidade seja inspecionado a fim de garantir que os fazendeiros recebam uma fatia maior do prêmio. A Mars vai explorar e encorajar ainda mais as mudanças em todo o setor e parcerias que podem gerar mais renda para os fazendeiros.
A nova abordagem da Mars em relação ao cacau vai além do nível atual dos padrões de certificação e práticas e é uma mudança em etapa em relação ao compromisso inicial que a Mars fez em 2009.
Enquanto essa nova abordagem é implementada, a Mars vai manter seus níveis de cacau certificados atuais com a Rainforest Alliance e com a Fairtrade, além de trabalhar com ambas as organizações à medida que continuam a fortalecer a implementação para aumentar o padrão de qualidade por todo o setor de cacau. A Mars aprova os esforços de ambas as organizações de certificação para organizar fazendeiros individuais em grupos e cooperativas, proporcionando treinamento e implementando sistemas de gestão em grupos de fazendeiros certificados, e está comprometida a colaborar com eles a fim de melhorar controles de auditoria, monitorar o trabalho infantil, rastreabilidade e prêmios pagos a fazendeiros. À medida que esforços mensuráveis são realizados, a Mars continuará fazendo a transição de seus volumes de cacau para essas abordagens novas e mais sólidas.
A Fairtrade declara: “Nós aplaudimos a Mars por reconhecer o papel do fazendeiro de pequenas terras no centro de qualquer plano ambicioso em sustentabilidade de cacau. Sem progresso em rendas para esses fazendeiros, a transformação em todo o setor não é possível. Precisamos de mais empresas demonstrando liderança em questões desse modo, que é o motivo pelo qual estamos empolgados pela possibilidade de continuar trabalhando com a Mars para aumentar nosso impacto de maneira a entregar mais para a empresa colocando, ao mesmo tempo, os fazendeiros em primeiro lugar”.
A Rainforest Alliance declara: “Todos concordamos que é preciso haver uma mudança na base para os fazendeiros, suas famílias e as florestas”, disse Britta Wyss Bisang, diretora das cadeias de suprimento sustentável para a Rainforest Alliance. “Nós elogiamos a Mars por aprofundar seu compromisso com os produtores de cacau e por reconhecer que a mudança em etapas em andamento na base é necessária. Ansiamos avançar nossa relação com a Mars, pois isso está bem alinhado com nossa nova estratégia, que deposita mais foco na colaboração entre produtores, ONGs, empresas e governos”.

Sustainable Cocoa Tomorrow
Por meio de seu segundo pilar, a Mars espera demonstrar que uma mudança em etapas na renda do fazendeiro e em seu sustento é possível. Em parceria com um grupo global inicial de 75.000 famílias produtoras de cacau e fornecedores de cacau, a Mars planeja testar meios para aumentar a produtividade, renda, resiliência e sustentabilidade geral por meio de diversificação de renda e cultura agrícola, programas de gênero, modelos de vila, economia e empréstimo, bem como planos de desenvolvimento de fazendas.
De maneira paralela, a Mars trabalhará com a indústria, governos e outros parceiros da sociedade civil a fim de buscar soluções compartilhadas e resultados mutuamente benéficos para famílias produtoras de cacau. A Mars continuará colaborando pré-competitivamente com seus pares e fornecedores para acelerar um aprendizado compartilhado via fóruns da indústria, incluindo a World Cocoa Foundation e sua plataforma CocoaAction, além da International Cocoa Initiative.

Sobre a Mars, Incorporated
A Mars é uma empresa de propriedade familiar com mais de um século de história fabricando produtos diversificados e prestando serviços a pessoas e aos animais de estimação que elas amam. Com mais de US$ 35 bilhões em vendas, a empresa é um empreendimento global que controla algumas das marcas mais apreciadas do mundo: M&M’s®, SNICKERS®, TWIX®, MILKY WAY®, DOVE®, PEDIGREE®, ROYAL CANIN®, WHISKAS®, EXTRA®, ORBIT®, 5™, SKITTLES®, UNCLE BEN’S®, MARS DRINKS e COCOAVIA®. A Mars também fornece serviços de saúde veterinários, que incluem o BANFIELD® Pet Hospitals, a Blue Pearl®, a VCA® e a Pet Partners™. Com sede em McLean, Virgínia, a Mars opera em mais de 80 países. Os cinco princípios da Mars – Qualidade, Responsabilidade, Reciprocidade, Eficiência e Liberdade – inspiram seus mais de 100.000 empregados a criar valor para todos os parceiros e a garantir o crescimento do qual podem se orgulhar todos os dias.
Fonte: Mars, Incorporated

Deixe seu comentário para Mars lança nova estratégia de sustentabilidade para o cacau

Já temos 1 Comentário(s)! Deixe o Seu :)

Resposta de Wallas dos santos Evangelista

Muito bom msm e interessante.. gostaria que vocês conhecesse. Nosso projeto.de cacau.. em Parauapebas no sudeste do Pará Brazil. Estamos com aproximadamente 160.000 mudas de cacau cerca de 30.000 já foram plantadas.... em mata virgem já para conservar a floresta. Queremos fazer parcerias. E entrar neste universo do cacau

★★★★★ Em 04-02-2019 às 02-41h Responder 5
Avalie Este Conteúdo: 1 2 3 4 5
[Aguarde, Buscando Dados!]
Notícias Relacionadas

Respondendo à notícia de que o cacau comercializado por Gana e Costa do Marfim terá um preço mínimo, as cotações...

Publicidade

Vídeos

Vídeos